Portal Luis Nassif

Ando pelo vale da morte
E tenho medo, sim!...
Ando pelas sombras da noite
E tenho pavor em meu coração.
Falta-me o pão
E meu estômago dói.
Falta-me amor
E me sinto só.
Falo sozinha
Porque outros não me ouvem.
Choro baixinho
Porque em min’alma há abismos.
As lágrimas me molham o rosto
Porque, no desalento,
Nem eu consigo enxugá-las.
Tenho sede de justiça
E vejo tantos morrendo
Sem assistência...
Irmãos sem moradia,
Outros nascendo sem chance de viver...
E, no entanto, as colunas sociais
Falam dos banquetes,
Das coberturas,
Das fortunas,
Da beleza das roupas e jóias,
Dos bordejos internacionais...
Ouço políticos
Com falsas demagogias,
Sugando o povo,
Enganando-o, iludindo-o,
Enquanto o povo triste,
Dia a dia,
Sofre cada vez mais.
Perdoa-me, Senhor!
Tenho amor,
Tenho fé,
Tenho esperança,
Mas não posso deixar
De clamar e chorar!
Sofro, sim,
Pois já vivo no Vale da Morte!

Maria Luiza Silveira Teles
(ofereço este texto com pretensão de poema à minha amiga poetisa, Nina Araújo)

Exibições: 5

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Novas

Receba notícias por e-mail:

Dinheiro Vivo

Publicidade

                                                                   http://www.adobe.com/go/getflashplayer\"><img src=\"http://www.adobe.com/images/shared/download_buttons/get_flash_player.gif\" alt=\"Get Adobe Flash player\" width=\"112\" height=\"33\" /></a></p>\u00a0\u00a0\u00a0\u00a0\u00a0\u00a0\u00a0\u00a0\u00a0</div>\u00a0\u00a0\u00a0\u00a0\u00a0\u00a0\u00a0\u00a0\u00a0 <!--[if !IE]>-->\u00a0\u00a0\u00a0\u00a0\u00a0\u00a0\u00a0 ','hspace':null,'vspace':null,'align':null,'bgcolor':null}" height="600" width="150">
        <!--<![endif]-->
      </object>

© 2014   Criado por Luis Nassif.

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço